Dia Mundial de Luta contra Aids tem destaque em todas as Unidades de Saúde de Três Lagoas

Nesta terça-feira, 1º de dezembro, é celebrado o Dia Mundial de Luta contra a Aids. Esta data foi instituída como forma de despertar a necessidade da prevenção e luta contra toda a espécie de discriminação das pessoas, portadoras do vírus HIV. No Brasil, as ações de mobilização social, alusivas a esta data, começaram a adquirir adesões e força, a partir do ano de 1980.


Devido à situação de pandemia da COVD-19 e par evitar aglomerações, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Três Lagoas, por meio da equipe do Programa Municipal IST/Aids/HV  (Infecções Sexualmente Transmissíveis, Aids e Hepatites Virais), anunciou que não estará realizando em praça pública as costumeiras ações, alusivas a esta data.


Como informou o coordenador do Programa Municipal IST/Aids/HV, Farildo de Oliveira Silva, neste ano, a data será intensamente divulgada com ações específicas em todas as Unidades de Atenção Básica de Saúde e na sede do Programa, na Rua Professora “Maria Moreira de Queiroz, número 203, no Bairro Nossa Senhora Aparecida (antiga Rua 13 de Junho).

Farildo lembrou que a principal mensagem desta data do Dia Mundial de Luta contra a Aids é “a prevenção da doença e o fim da discriminação”, ressaltou.
“Nas Unidades Básicas de Saúde, estarão também sendo oferecidos testes rápidos de Aids e orientações sobre prevenção e uso consciente dos preservativos masculino e feminino”, observou Farildo.
“No acolhimento do dia 1º de dezembro, na nossa sede,  estaremos também oferecendo um café especial a todos que comparecerem e quiserem fazer parte das comemorações alusivas ao Dia Mundial de Luta contra a Aids”, anunciou.
Em Três Lagoas, de janeiro até agora, 59 homens e 21 mulheres  contraíram Aids, ou seja, são 80 novos casos, registrados no Município.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar