Governo de MS solicita ao ministro da Infraestrutura estadualização de 145 km da BR-158

O governador Reinaldo Azambuja entregou, na noite de ontem (24.1), ao ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, a pauta de prioridades do Governo do Estado para os investimentos em logística em Mato Grosso do Sul. Entre elas está a estadualização de 145 km da BR-158, entre Cassilândia a Aparecida do Taboado segundo o portal do governo.

Além desta proposta, o gestor estadual apresentou como prioridades para Mato Grosso do Sul  as rotas bioceânicas rodoviária e ferroviária, a concessão da Malha Ferroviária Oeste e a busca de uma solução para o impasse jurídico envolvendo a concessão da BR-163.

“Falamos da concessão da BR-163, marcamos uma agenda, na qual eu e o  ministro da Infraestrutura vamos ao TCU (Tribunal de Contas da União) para tentarmos  equacionar este processo. Convidaremos  os governadores Ronaldo Caiado, de Goiás;  Romeu Zema, de Minas Gerais; e Mauro Mendes, do Mato Grosso. É que os quatro estados têm problemas nas concessões rodoviárias da etapa 3 do governo da então presidente Dilma”, destacou o governador.

Para tornar mais atraente a concessão à iniciativa privada pretendida pelo Governo do Estado dos 200 quilômetros da MS-306, entre Costa Rica e Cassilândia, Reinaldo Azambuja conversou sobre a estadualização de 145 quilômetros da BR-158 – que é contígua a MS-306. Tanto a rodovia estadual quanto a federal são  importantes rotas de escoamento da produção do norte do Estado e da região Centro-Oeste.

“Ficou acertada a possibilidade de passar a BR-158 para Mato Grosso do Sul, entre Cassilândia e Aparecida do Taboado. A rodovia será uma extensão da MS-306, que vai passar por um processo de concessão estadual”, explicou Reinaldo Azambuja. O volume médio de tráfego é de aproximadamente 6 mil veículos, sendo 65% dos veículos de passeio e 35% comerciais.

Também o governador pediu  reforço financeiro ao DNIT-MS (Departamento de Estradas de Rodagem) para manutenção das BRs que cortam  Mato Grosso do Sul. “Ele (ministro) ficou de estudar o remanejamento de recursos para assegurar a manutenção das BRs do Estado”.

Acompanharam o governador na reunião o secretário estadual de Meio Ambiente, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck; o senador Pedro Chaves; e o deputado federal eleito Beto Pereira.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar