Polícia leva cão farejador em mata e acha depósito para preparo e venda de droga em MS

Um dia antes, a PM já havia descoberto que o local era usado o tráfico; dois homens foram presos e um deles atirou em um militar. A equipe revidou e ele também foi ferido.

Denúncia de um suposto endereço de drogas levou policiais do Batalhão de Choque da Polícia Militar (BpChoque), acompanhados da equipe do canil, até um endereço na rua Osvaldo Aranha, Jardim Monumento, em Campo Grande, na noite dessa segunda-feira (20) .

Com as buscas na região, os policiais chegaram até um matagal e apreenderam porções de maconha que totalizaram 29 kg, conforme laudo da Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico (Denar) segundo o G1MS.

‘Batida anterior’

Também segundo o G1MS, um dia antes, a Polícia Militar (PM) já havia descoberto que o local era usado para armazenamento e venda de droga. Na ocasião, os policiais constataram o momento em que suspeitos tentaram fugir de uma residência próxima, quando os ordenaram a parar a levantarem as mãos.

Um deles, no entanto, fugiu na mata. Já na abordagem foi identificado um suspeito de 43 anos, que estava portando um revólver e fez disparos em direção aos militares, atingindo um servidor. A equipe revidou e atingiu o suspeito, sendo os dois socorridos pelo Corpo de Bombeiros.

Na sequência, os policiais continuaram procurando pelo outro suspeito e o encontraram em posse de uma pistola. Além da droga e armas, eles possuíam petrechos para o preparo das porções, como filme plástico e balança de precisão.

A pena para o crime de tráfico de drogas varia de 5 a 15 anos de reclusão.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar