Mato Grosso do Sul aparece na 3ª posição entre os estados que mais registraram denúncias de violência contra mulher

Mato Grosso do Sul aparece na 3ª posição entre os estados que mais registraram denúncias de violência contra mulher, entre janeiro e agosto deste ano.

Nos primeiros dez meses deste ano, 24 mulheres foram vítimas de feminicídio em MS. Durante 2018, foram 32 casos registrados, conforme dados divulgados pela Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública).

Segundo dados, a maioria das denúncias se relacionou à violência doméstica, ou seja, 47.201,78% do total. Entre os estados, o Rio de Janeiro foi o que teve, na média, mais denúncias: 68 para cada 100 mil habitantes. Em seguida, aparecem o Distrito Federal, com 64, e Mato Grosso do Sul, com 58.

Qualquer pessoa (não apenas a vítima) pode denunciar episódios de agressão a mulheres. Não é preciso se identificar, apenas fornecer informações que ajudem a chegar até as vítimas. Há 5 anos, o serviço envia as denúncias recebidas para as secretária de segurança pública e para os Ministério Públicos de cada estado.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) considera a violência contra a mulher como um problema de saúde pública que atinge todas as esferas sociais. O Ligue 180 (Central de Atendimento à Mulher em Situação de Violência), criado em 2005, é um serviço gratuito e confidencial.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar