Corpo de trigêmea afogada no Rio Paraná é encontrado em Guaíra, diz Corpo de Bombeiros

Ela e os irmãos, de 13 anos, e um homem de 47 anos se afogaram em uma prainha no Rio Paraná, em Mundo Novo (MS). Corpo da adolescente foi encontrado após seis dias de buscas.

O corpo da trigêmea afogada no Rio Paraná, em Mundo Novo (MS), foi encontrado nesta sexta-feira (6), em Guaíra, no oeste do Paraná, segundo o Corpo de Bombeiros.

De acordo com os bombeiros, um amigo da família que acompanhava as buscas reconheceu o corpo da menina de 13 anos.

Socorristas faziam as buscas desde sábado (30), quando ela, os dois irmãos e um homem de 47 anos se afogaram em uma prainha de água doce no rio.

Os corpos de dois dos trigêmeos – uma menina e um menino – e do homem foram encontrados no mesmo dia do acidente.

De acordo com os bombeiros, o corpo da adolescente que estava desaparecida foi encontrado a cerca de dez quilômetros do local do afogamento por um morador ribeirinho.

O corpo da adolescente foi levado para o Instituto Médico-Legal (IML) de Toledo para identificação dos parentes.

Afogamento

Os trigêmeos estavam com a família, de Alto Piquiri, no noroeste do Paraná, em uma prainha no Rio Paraná.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o homem de 47 anos e o filho dele, de 14 anos, perceberam durante o passeio que uma das adolescentes se afastou do grupo e afundou.

O irmão e a irmã dela, então, tentaram regatá-la, mas foram puxados pela correnteza e acabaram se afogando.

O homem e o filho tentaram ajudar os trigêmeos e também afundaram. O garoto, no entanto, foi resgatado por pessoas em uma embarcação.

Por G1

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar